Preview: Janaina Torres Galeria na SP-Foto 2019

agosto 3, 2019 | Feco Hamburger, Jordi Burch, Kitty Paranaguá, Luciana Magno, Pedro David

Anunciamos com prazer nossa participação na SP-Foto 2019, a maior feira de arte fotográfica da América Latina. Estaremos presentes com obras de Alex Sandro, Feco Hamburger, Kitty Paranaguá, Jordi Burch, Luciana Magno e Pedro David.

Kitty Paranaguá, Pequenas Infâmias I (da Série Pequenas Infâmias), 2013, Pigmento sobre papel de algodão, 100 x 75 cm

 

Kitty Paranaguá, Sem título (da Série Lavando a Alma), 2014, Pigmento sobre papel de algodão, 60 x 80 cm

Leia mais

Pequenos Vestígios de Melancolia, na Funarte, em São Paulo

agosto 3, 2019 | Andrey Zignnatto, Crítica, ensaio, Daniel Jablonski, Exposições, Kitty Paranaguá, Pablo Ferretti, Renata Pelegrini

Andrey Zignnatto, Sem título (da Série Empilhamento), 2016, Tijolo baiano cerâmico amassado e empilhado sobre carrinho de mão, 70 x 55 x 130 cm

Por Cadu Gonçalves

Nos deparamos ao longo da história da arte com imagens que, de alguma maneira, perpassam os nossos sentidos e muitas vezes não conseguimos descrever. Como as imagens noturnas de seres solitários em bares e cafés de Edward Hopper ou os olhares perdidos e longínquos presentes em pinturas de Lucian Freud; imagens de paisagens melancólicas, resíduos ou ruínas, espaços deixados por uma ocupação recente ou distante cronologicamente, nos colocam como um narrador sem palavras do que aconteceu ali.

O recorte de Pequenos Vestígios de Melancolia, coletiva que ocupa as paredes da Funarte, em São Paulo,  compreende o trabalho de seis artistas, cujas obras de certo modo se valem de experiências residuais, seja na observação, seja na matéria. E esses vestígios, de alguma maneira, se mesclam ao entorno deste prédio, ao interior desta sala, que passam por um lento processo de abandono, um lugar em que as celebrações são também carregadas pelo peso da incerteza e da dúvida de seu prosseguimento.

Daniel Jablonski, Pergunte a seus vizinhos [São Paulo], 2016, Pigmento sobre papel de algodão, 66,5 x 100 cm

Leia mais

Preview: Janaina Torres Galeria na SP-Arte/Foto 2018

agosto 4, 2018 | Daniel Jablonski, Exposições, Feco Hamburger, Feiras, Jordi Burch, Kitty Paranaguá, Notícias, Pedro David, Talitha Rossi

Apresentamos com prazer um preview de nossa seleção de artistas e obras para a 12a edição da SP-Arte/Foto 2018, no Shopping JK Iguatemi, em São Paulo, entre 22 (para convidados) e 26 de agosto. Estamos no stand B12. Aproximem-se.

Daniel Jablonski, O Sono Louco – Quem vigia o vigia, 2016, Pigmento sobre papel de algodão, 30 x 43 cm (cada)

Leia mais

Copacabana, céu aberto – por Walter Carvalho

agosto 4, 2017 | Crítica, ensaio, Exposições, Kitty Paranaguá

Kitty Paranaguá, Sem título, 2008 – 13, Pigmento sobre papel de algodão, 30 x 40 cm e 75 x 100 cm

Por Walter Carvalho

Muitos foram os escritores, poetas e compositores que cantaram e imortalizaram a paisagem de Copacabana. Agora é o olho de Kitty Paranaguá que traz uma constelação de luz que estala, branca, nas paredes das fachadas maculadas pela prata intensa dos seus filmes. Suas formas fotográficas se materializam numa obliquidade de ângulos que desafia o olhar e as imagens ocupam o espaço num equilíbrio de formas, entre o cheio e o vazio.

Entre um intenso volume de tons escuros em oposição a uma expressiva massa de brancos, suas fotos constroem uma narrativa acromática da geografia humana e urbana, numa convivência harmoniosa das formas e dos volumes.

Leia mais

Conversa com Kitty Paranaguá

agosto 3, 2017 | Entrevista, Exposições, Kitty Paranaguá

 São Paulo vai conhecer duas séries de fotografias que têm recebido atenção no Brasil e no exterior: Campos de Altitude e Copacabana, da carioca Kitty Paranaguá.  Com uma carreira estabelecida há mais de 20 anos, Kitty expõe pela primeira vez em São Paulo, abrindo também a programação oficial paralela da SP-Arte/Foto/2017. Nesta entrevista, Kitty fala sobre sua trajetória, sua ideia de fotografia e como vê as pessoas, as localidades e as transformações de seu cenário de vida e de coração.

Leia mais

Copacabana não engana mais ninguém

agosto 3, 2017 | Crítica, ensaio, Exposições, Kitty Paranaguá

Dona Joana, Mata Machado, 2016, pigmento sobre papel de algodão, 100 x 100 cm

Com curadoria de Diógenes Moura, 15 imagens da série Campos de Altitude, da fotógrafa carioca Kitty Paranaguá, ganharam as paredes do Centro Cultural Justiça Federal (CCJF), como parte do Encontro Internacional de Fotografia do Rio de Janeiro, em maio de 2017. Republicamos a seguir o texto de Diógenes, que busca dar conta da complexidade e do impacto narrativo e simbólico do trabalho de Kitty, que ganha em 2017 repercussão nacional e internacional. As séries Campos de Altitude e Copacabana, de Kitty Paranaguá, estarão expostas na Janaina Torres Galeria, entre 22 de agosto e 30 de setembro de 2017, e na SP-Arte/Foto/2017 entre 23 e 27 de agosto (estande 24).

Leia mais

Kitty Paranaguá: fotos de Copacabana no acervo da Maison Européenne de la Photographie

julho 30, 2017 | Exposições, Kitty Paranaguá, Na mídia, Notícias

Na exposição Campos de Altitude, que abre 22 de agosto na Janaina Torres Galeria, a fotógrafa carioca Kitty Paranaguá traz a São Paulo uma leitura múltipla e pessoal da mítica praia de Copacabana (veja aqui). Trata-se de uma série de fotografias de alto impacto estético e emocional, e que ganhou reconhecimento internacional. Como registra o jornal o Globo, imagens (como a foto acima) compõem, a partir de 2017, o acervo da Maison Européenne de la Photographie (MEP), em Paris, um dos principais espaços dedicados à fotografia contemporânea.

Leia mais

Kitty Paranaguá traz poética do Rio de Janeiro à Janaina Torres Galeria

julho 27, 2017 | Exposições, Kitty Paranaguá

Kitty Paranaguá, Filhas da Lika (da série Campos de Altitude)

Na exposição Campos de Altitude, fotógrafa carioca sobe os morros e projeta as imagens da cidade no interior das casas e sobre os corpos dos moradores, além de mostrar uma Copacabana múltipla, num registro emocionante e original

Autora de um trabalho que transborda poesia, fruto de sua relação com as pessoas, lugares e objetos que fotografa, a carioca Kitty Paranaguá apresenta, a partir de 22 de agosto, Campos de Altitude, sua primeira individual na Janaina Torres Galeria. Com uma carreira estabelecida há mais de 20 anos, Kitty expõe pela primeira vez em São Paulo, abrindo também a programação oficial paralela da SP-Arte/Foto/2017.

Leia mais