newsletter |siga-nos

A terra e o fogo nas Paisagens Vermelhas de Kika Levy

16 de December de 2017 • Crítica, ensaio, Kika Levy

Por Helena Byington

Olhar para dentro, olhar para fora. Seja com uma lupa para micro objetos ou com uma prensa de mais de um metro, Kika Levy explora a terra, as raízes e o fogo em sua nova série de gravuras, “Paisagens vermelhas”.

Depois de explorar a cor azul como matéria e expressão de céus, ares e horizontes, a artista passa a explorar o vermelho, o grená e a terracota como expressões de uma natureza poética e original.

As “Paisagens vermelhas” são como o imaginário da Pangeia. Fortes, misteriosas e ancestrais.

Kika Levy, Sem título II, 2017, Gravura em metal, 20 x 30 cm

O que pensamos da terra como uma única placa, se expandindo aos poucos, habitada por uma fauna vasta e desconhecida, pode ser projetado nestas gravuras que, assim como o planeta que conhecemos, também nasceram de uma única superfície.

Lava vulcânica

Os horizontes facilmente se transformam em lava vulcânica e, mesmo a fauna, às vezes, ainda presente, se mostra tomada por este ardor – como uma sangria.

Kika Levy, Sem título III, 2017, Gravura em metal, 30 x 40 cm

Ao mesmo tempo que nos levam a pensar em toda esta construção, as gravuras da série são imagens de uma placidez presente, que permitem ao olhar sensações contraditórias de intensidade e calmaria.

Sem abandonar de todo a geometria, que aparece em algumas das construções, Kika une precisão e delicadeza em um processo incansável de gravar, regravar, prensar e re-prensar.

Voltada para a imensidão da terra, a artista não abandona pequenas formas e manifestações da natureza, transformando a imensidão em uma minuciosa exploração da fauna e da flora.

Numa ordem intuitiva e racional, o espectador descansa o olhar nos vazios preenchidos desta nova série de gravuras, que se desdobram entre solos e precipitações.

A artista firma consigo um novo compromisso, de enxergar a terra fértil, a chama que aquece e a natureza que arde.

Kika Levy, Sem título V, 2017, Gravura em metal, 30 x 40 cm

Mais sobre Kika Levy

Pra te ver melhor: monotipias de Kika Levy (texto crítico)

Monotipias de Kika Levy (série completa)

Página da artista (Janaina Torres Galeria)

No ateliê: Kika Levy

KIka Levy – site da artista