newsletter |siga-nos

Marcia Thompson e a nova gramática da pintura, até 22 de julho na Janaina Torres Galeria

23 de November de 2017 • Exposições, Marcia Thompson, Notícias


Pinturas expandidas em caixas de acrílico são destaque da mostra que traz também telas, desenhos e vídeos da artista carioca, radicada na Inglaterra, laureada em 2015 com o Visual Arts Awards, da embaixada brasileira em Londres

Marcia Thompson celebra mais de duas décadas de trajetória e retorna a São Paulo, a partir de 30 de maio, com a mostra B.L.O.C.O.S., na Janaina Torres Galeria. Residindo em Londres desde a década de 90, Thompson traz ao Brasil uma seleção inédita de trabalhos em que radicaliza, como poucos artistas, a questão da pintura, com movimentos que deslocam a obra do espaço convencional, instaurando, por meio de uma gramática não-convencional, novas possibilidades – e narrativas. A exposição apresenta uma sequência de blocos de tinta óleo em uma série de caixas de acrílico, além de pinturas tridimensionais, desenhos e vídeos.

O acúmulo de tinta e a procura por novas materialidades, tônica do trabalho de Thompson, está presente, numa arte dotada de pureza cromática, de textura, temperatura, sensualidade e carnalidade.

Para a curadora da exposição, Gabriela Davies, as peças que integram B.L.O.C.O.S. têm o lúdico como elemento central – não por acaso, a inspiração das obras veio das primeiras escritas dos filhos da artista.

Assim como traz desenhos que questionam o momento primeiro da escrita, suas pinturas fazem somente o uso de cores primárias, estabelecendo uma relação com o todo da exposição.

“Cada obra brinca com a falta de controle dentro de uma metodologia ordenada”, diz Davies. “O ambiente contido por linhas retas, caixas e molduras quadradas é interferido.”

Caixas de acrílico que guardam borrões de tinta se destacam em B.L.O.C.O.S. “O começo da ideia da exposição veio delas”, diz Marcia Thompson. “Os borrões na superfície do acrílico evidenciam a fatura e são como as laterais das pinturas que ficam borradas por causa do manuseio. Essas caixas estão no chão, mas ainda são pinturas e falam da superfície da caixa onde são prensadas, apesar de serem massas, objetos, corpos de cor. São feitas com os mesmos “ingredientes” da pintura”, completa a artista.

Marcia Thompson é formada em História pela PUC e em Artes pela Escola de Artes Visuais do Parque Lage (EAV), ambas no Rio de Janeiro. Reside em Londres há vinte anos, e já expôs seus trabalhos em galerias diversas do Reino Unido, EUA, Coreia do Sul e Escandinávia. Em 2015, foi laureada com o Visual Arts Awards, da embaixada brasileira em Londres.

Exposição B.L.O.C.O.S. de Marcia Thompson
Curadoria de Gabriela Davies
Abertura: 30 de maio de 2017, das 19h às 22h
Período expositivo: 30.05 a 22.07.17