newsletter |siga-nos

Exposição instigante de Feco Hamburger será inaugurada em 20 de outubro na Janaina Torres Galeria

23 de November de 2017 • Exposições, Feco Hamburger, Notícias

Com curadoria de Diógenes Moura, Quando percebi era uma aurora traz uma viagem visual contemporânea e consistente, numa galáxia de referências que vão da música de David Bowie às paisagens românticas de Caspar David Friedrich; serão 28 imagens exibidas ao público até o dia 17 de dezembro

São Paulo, outubro de 2016 – O mais novo espaço de arte de São Paulo vai abrir as portas ao público com o pé direito. A exposição escolhida para inaugurar a Janaina Torres Galeria no dia 20 de outubro será uma mostra do fotógrafo Feco Hamburger, um dos mais inventivos e consistentes artistas de sua geração, com curadoria de Diógenes Moura. A escolha de Feco para abrir os trabalhos da galeria foi uma decisão natural para Janaina Torres. “Feco reúne duas qualidades que considero imprescindíveis para um artista: inquietude e consistência. Seu trabalho é articulado com várias áreas do conhecimento, como a Física e a Linguística, e compõe, em seu conjunto, uma narrativa instigante e muito atraente. Ao mesmo tempo, cada peça possui uma força imagética própria. Feco também tem sido um grande parceiro de trabalho”, conta.

Intitulada Quando percebi era uma aurora – Fotografias de Feco Hamburger, a exposição vai apresentar uma seleção de 28 fotografias impressas em jato de tinta sobre papel de algodão e produzidas a partir de diversos dispositivos e técnicas fotográficas, como scanner, sensores digitais e filmes analógicos. As imagens finais se assemelham a paisagens que transitam entre o onírico e o documental, com referências que vão de Major Tom, personagem da canção Space Oddity de David Bowie (1947-2016), aos cenários invernais do ícone da pintura romântica alemã Caspar David Friedrich (1774-1840).

O espectador é convidado a subir a bordo dessa delicada viagem visual e a contemplar pedra, água, ar, estrelas, brumas, luzes e sombras. O nome da mostra reflete momentos coincidentes vividos pelo artista Feco Hamburger e pela galerista Janaina Torres, parceiros profissionais que estão dando simultaneamente um passo à frente no mercado das artes. “Se a aurora é uma transição, um amanhecer, a exposição é o momento do meu trabalho ganhar autonomia e interlocução com o mundo. E eu tenho o contentamento coincidente da exposição inaugurar a Janaina Torres Galeria, uma parceira minha de longa data. Como na obra Major Tom, estamos dando um salto juntos, um voo”, explica Feco.

No dia 20 de outubro, a mostra será aberta com uma visita guiada pelo próprio artista a partir das 18h. Logo após, de 19h às 22h, acontece o coquetel de inauguração da exposição, que segue em cartaz até 17 de dezembro.

Sobre Feco Hamburger
Nasceu em São Paulo, em 1970, onde vive e trabalha. É fotógrafo com crescente trabalho em outras mídias, como vídeo e instalação. Em sua pesquisa, o sentido da experiência e do processo se articulam sobre o tempo e a matéria. Estudou física na Unicamp e Linguistica na USP. Em 2009 fez o curso Leitura de Portfolio, com Agnaldo Farias e Dudi Maia Rosa, no Instituto Tomie Ohtake. Em 2013, participou de grupo de estudos e produção artística sob orientação de Lucia Koch, enquanto faz residência no Atelier Temporário do Pivô (SP). Já expôs na Pinacoteca do Estado de São Paulo, no Museu de Arte Moderna e no Paço Imperial, no Rio de Janeiro. Possui obras no acervo da Pinacoteca do Estado de São Paulo e na Coleção Itaú de Fotografia Brasileira. Em 2012, recebeu menção especial no Prêmio Brasil de Fotografia. Ministra workshops e cursos de fotografia além de fazer a gestão de processos de impressão fotográfica para outros artistas.

Sobre a Janaina Torres Galeria – Profissional reconhecida no cenário paulista de arte e design, Janaina Torres tem formação em teatro (Escola de Teatro Miriam Muniz e CPT – Centro de Pesquisa Teatral, de Antunes Filho) e artes visuais (Faculdade de Belas Artes), e sólida experiência em design, decoração e arquitetura. A Galeria que leva o nome da profissional está instalada no bairro de Pinheiros e tem projeto arquitetônico arrojado, assinado pelo Estudio Manus. A JTG irá promover mostras de pintura, fotografia, gravura e escultura, além de eventos, bate-papos, experimentos audiovisuais e performances. Todos os trabalhos serão selecionados por ela e uma equipe de curadores independentes. www.janainatorres.com e www.facebook.com/janainatorresgaleria

Quando percebi era uma aurora – Fotografias de Feco Hamburger
Visita guiada com o artista: 20 de outubro, 18h
Coquetel de abertura: 20 de outubro, 19h às 22h
Visitação: até 17 de dezembro, de segunda a sexta, 10h às 19h e sábados das 11h às 15h.